St Barths

Visitando Gustavia em St. Barths

Esta nota foi publicada originalmente no site Discover Travel News em espanhol. Nos recomendamos visitar Discover Travel News

 

St. Barths é conhecido principalmente por sua grande beleza natural, perfeição caribenha e seu charme francês.

 

 

Ao redor da ilha, entre elevações e falésias dramáticas, existem pequenas partes de um paraíso terrestre. Com areias brancas, muito finas e águas cristalinas que te convidam a uma vida simples e descontraída. Por outro lado, percebe-se também uma parte de glamour que apresenta um St. Barths diferente daquele que busca o autêntico.

 

Sua história colonial deixou uma marca distinta de uma maravilhosa mistura de elementos, sofisticação francesa e perfeição sueca. Esse passado está presente, desde sua arquitetura até à atmosfera de seus cafés; desde sua gastronomia e sabores da ilha até à linguagem do seu povo. O cenário digno de um sonho desta ilha, faz com que todas as atividades aquáticas façam parte do seu roteiro: vela de catamarã, surf, mergulho, snorkel e muito mais. Além disso, a possibilidade de ver corais e fauna marinha de perto em um semissubmersível.

 

Saborear coquetéis e pratos de alta qualidade também é um hobby em St. Barths. Basta decidir onde fazê-lo, se numa cabana de praia ou num restaurante de renome internacional.

 

É possível e fácil visitar a ilha em um dia, já que sua superfície é de apenas 24 metros quadrados. Alguns optam simplesmente por passear nas ruas de sua capital, Gustavia. Explore lojas pitorescas cobertas de flores tropicais e um mundo de butiques de alta costura. Outros se instalam em um café à beira-mar para desfrutar da paisagem.

 

Independentemente de como você decida passar seu tempo na ilha mais elegante do Caribe, é quase impossível não se impressionar. Seja com um dia repleto de atividades, visitando lugares de interesse ou simplesmente relaxando em uma de suas praias tropicais perfeitas saídas de um cartão postal. Talvez a melhor opção para conhecer a ilha em um dia seja saber mais sobre sua história e um passeio por Gustavia, um almoço com um toque francês e uma tarde de relaxamento ou aventuras em uma das praias.

 

 

Winstar Cruises

 

 

UM BREVE PASSEIO PELA HISTÓRIA E CAPITAL DE SAN BARTHS

 

Abraçando um porto ensolarado repleto de iates luxuosos e repleto de belos cafés e restaurantes à beira-mar, a capital da ilha, Gustavia, reúne o charme caribenho com elementos exclusivos que atraem os ricos e famosos.

 

Aqui você pode encontrar lojas de alto padrão e também ruas de paralelepípedos com uma bela arquitetura refletindo a influência de escandinavos, franceses e ingleses. Todas as ruas cobertas de coqueiros. Os locais turísticos especificamente são poucos, e destaca a pitoresca igreja do século XVII, e um pequeno e charmoso museu de sua história. O diferente edifício de pedra com venezianas brancas que abriga o museu também faz parte de seu patrimônio histórico, que remonta à era colonial sueca, iniciada em 1785. A coleção do museu de artefatos, trajes tradicionais, relíquias marítimas e fotografias é eclético e peculiar, enquanto as exposições temporárias ocasionais exploram tópicos como os anos de domínio sueco e os legados que as colônias deixaram na ilha. A atração da capital, além do ambiente encantador, são as compras e a gastronomia.

 

No entanto, uma das exceções é o conjunto de fortalezas suecas na cidade. Para começar o dia não é má ideia visitar uma delas. Existem pelo menos três fortes construídos na ilha pelos suecos ao longo de seus quase 100 anos no comando de St. Barths. O domínio da Suécia foi mantido de 1785 a 1877, quando os franceses recuperaram os direitos que haviam cedido em troca de alfândega livre em Gotemburgo.

 

Nenhum desses fortes foi preservado em bom estado, mas é a oportunidade de aprender um pouco mais sobre o passado colonial da ilha. Em particular, o Fort Gustav foi originalmente construído em 1787 como proteção portuária. Nas suas ruínas permanecem alguns dos seus baluartes cravejados de canhões e vestígios de guarita e cisternas. Também em suas ruínas está o distinto farol vermelho e branco, que ainda está em operação. Pode-se chegar a pé do centro, através de um belo passeio panorâmico. Estando mais alto, as vistas panorâmicas para Gustavia são incríveis.

 

COMPRAS EM GUSTAVIA

Por menor que seja, esta ilha sofisticada e isenta de impostos é conhecida como a capital do Caribe por sua alta costura e lojas de estilistas sofisticados e renomados. Distribuída por três ruas principais e algumas secundárias, Gustavia tem cerca de 200 lojas e butiques, algumas de designers famosos, e outras de designers locais que expõem diretamente na ilha.

 

Calles en Gustavia

 

Roupas de praia, acessórios e joias são os itens mais comuns, com novas lojas surgindo o tempo todo. O coração das compras é o Quai de la Republique próximo ao porto, onde você encontrará as lojas Cartier, Gaultier, Hermes, Louis Vuitton e muito mais. Os designers locais estão na Plaza Carré de ‘Or, ou na vizinha Coeur Vendome, com acessórios e joias de qualidade com pérolas do Tahiti, por exemplo. Outro centro de interesse para fazer compras em Gustavia é o Centro Comercial La Savane, onde se encontram muitos dos estabelecimentos citados e alguns outros.

 

Passear por essas ruas para ver, ser visto e observar as pessoas é um passatempo popular, tanto ou mais do que nos cafés parisienses. O glamour da ilha tende a atrair muitas celebridades, com quem você pode se encontrar com frequência. Para quem gosta de artesanato e produtos locais, também é um excelente atrativo. Além disso, há algumas galerias de arte espalhadas pela ilha e vários dos grandes hotéis que abrigam butiques de artesanato em suas instalações. Destaque para a loja-estúdio de Véronique Vandernoot, cujos azulejos e cerâmicas artesanais representam a vida desta ilha caribenha. Recomendamos que você visite sua loja pelo menos para apreciar sua arte. Outra opção para quem procura souvenirs e presentes de qualidade é o Mbolo, próximo ao porto, local conhecido pela qualidade dos produtos artesanais, que também incluem rum com sabor baunilha ou maracujá. Além disso, vendem joias feitas à mão, decorações para o lar, bolsas e todo tipo de artigos originais.

 

 

OS SABORES DE ST. BARTHS

Embora a maior parte da pequena cidade tenha um ar de brilho ou requinte, ainda existem lugares que são autênticos e informais. Um dos favoritos é o Le Select, que existe há mais de 70 anos. É um ícone da ilha, que teve o seu momento de máxima popularidade ao ser incluído numa canção no final dos anos 70. Seu cardápio inclui os pratos mais típicos do Caribe. No interior pode-se ver as paredes forradas com todos os antigos postais, bandeiras e gravuras que contam à sua maneira parte da história regional. Está aberto todos os dias e é um local frequentado por muitos habitantes locais.

 

Para quem procura algo doce para acompanhar um café, a influência francesa é inegável nas padarias e confeitarias. Há muitas opções recomendadas, incluindo Choisy no lado norte do porto, Le Bar de L’Oubli com seu pequeno terraço coberto e La Petit Columbe, que tem outra filial em Lorient. Em todos eles você encontrará uma variedade de bolos, doces e pães frescos à moda francesa. No La Petit Columbe também se oferecem comida para viagem, por isso é uma das opções mais procuradas. Muitos optam por comprar e degustar os doces em algum lugar da praia ou próximo ao porto.

 

Como ocorre em outras ilhas caribenhas, onde a principal influência é francesa, a culinária de St. Barths tem lugar de destaque. É considerado da mais alta qualidade e é saudado como um destino «paradisíaco» para os apreciadores de comida. A maioria oferece cozinha tradicional francesa ou uma mistura caribenha / francesa – caribenha – embora também haja alguns restaurantes internacionais.

 

É enorme a variedade de lugares e restaurantes. Da cabana de praia rústica ao resumo da sofisticação gastronômica. Este último talvez não seja surpreendente, dado que esta é uma ilha tão frequentada por ricos e famosos. As dimensões da ilha permitem um fácil deslocamento, sendo possível desfrutar tanto do almoço no local escolhido como da tarde na praia escolhida. Além disso, graças e apesar do seu tamanho, a oferta de praia é muito variada e ampla.

 

Muitas das praias oferecem facilidades para desfrutar de um bom almoço à beira-mar. Um lugar a ser considerado é o belo crescente de areia dourada conhecido como Praia Flamands. As águas são de cor turquesa, tendo como fundo uma exuberante vegetação tropical. Todos os arredores podem tornar um almoço aqui inesquecível.

 

Chez Rolande também é uma boa alternativa, muito informal, para almoçar ou jantar de frente para o mar. O tipo de restaurante onde vão direto da água para a mesa. Uma atmosfera descontraída e comida com uma qualidade surpreendente. Seu vasto cardápio oferece pratos para todos os paladares, em grande parte inspirados na pesca do dia, como ostras gratinadas e bananas flambadas, outra especialidade da ilha. Um verdadeiro paraíso para todos os sentidos.

 

Saline Beach é outra das ofertas da ilha, fora do comum, uma praia de dunas de areia branca, entre duas elevações rochosas. As pessoas procuram este lugar para entrar em contato com a natureza, muitos para um piquenique. No entanto, aqui você também pode desfrutar de um bom almoço no charmoso Le Grain de Sel. Este café singular à beira-mar, cuja entrada em degraus de pedra está quase escondida por uma camada de vegetação, oferece autênticos pratos locais com algumas delícias de frutos do mar e peixes. Despretensiosa, essa joia não serve comida chique, mas a qualidade é incrível, e o lugar lhe dá todo o charme de que precisa.

 

St Barths gastronomia

 

 

UMA ALTERNATIVA DA TARDE: PASSEIO DE CATAMARAN PARA EXPLORAR A ILHA

Uma das opções mais populares e reservadas são os passeios de barco à vela ou de catamarã pela ilha. Com uma duração aproximada de três horas, partindo de Gustavia, é a opção indicada para chegar às praias mais isoladas e de difícil acesso terrestre da capital.

 

A viagem, que normalmente contorna o lado oeste da ilha, é tão maravilhosa quanto o próprio destino. Ao longo do caminho, você pode apreciar a paisagem, as colinas verdes cobertas de vegetação, elevações rochosas e enseadas secretas. As pequenas ilhas costeiras são habitadas apenas por aves marinhas e são banhadas por águas azul-turquesa e azul-marinho.

Os barcos ancoram na extremidade norte da costa de St. Barths, em direção à bela Baía Colombier, parte de uma reserva marinha protegida. Aqui você pode simplesmente relaxar no deck, nadar ou usar o equipamento de mergulho a bordo e sair ao encontro das tartarugas, arraias e peixes coloridos que habitam essas águas e seus recifes de coral.

 

Vista aérea St. Barths

 

 

A NOITE EM GUSTAVIA, ST. BARTHS

 

O jantar em St. Barths pode ser algo de outro mundo. Nem todos os tesouros gastronômicos são aqueles que oferecem vista para o mar. Um exemplo é o restaurante mais romântico da ilha, o Tamarín. Se decidir jantar nele, terá que se deslocar de táxi aproximadamente 10 minutos, tendo em vista que ele se encontra no interior da ilha. Ao chegar, você perceberá que chegou a um lugar verdadeiramente mágico. O enorme tamarindeiro que dá o nome ao lugar é o ponto focal, mas esta é apenas uma parte de um charmoso jardim tropical com gramados e um lago de lírios cercado por bananeiras, coqueiros e flores exóticas. Tudo aqui exala elegância, desde as cadeiras e mesas espalhadas pelo gramado, perfeitas para coquetéis antes do jantar, até o deck de madeira como a sala de jantar principal. Tudo é pouco iluminado e para quem deseja uma refeição íntima existem mesas escondidas para privacidade absoluta. A qualidade da comida, a variedade de pratos franceses e internacionais, combinam com a sublimidade do ambiente em todos os sentidos, juntamente com seu extenso menu e carta de vinhos.

 

Se você está em busca de uma vista para o mar, Maya, também nos arredores de Gustavia, é uma ótima opção. Fundado na década de 1980, o próprio casal do restaurante tem um cardápio que se adapta e se concentra em produtos frescos com criações francesas e locais. É um restaurante mais informal, com pratos simples, mas muito saborosos. O cardápio muda constantemente, exceto pelas deliciosas sobremesas, entre as quais o bolo de coco que é o carro chefe da casa por receber as melhores avaliações. Um deck de madeira ergue-se sobre a praia com cadeiras simples, tudo a uma curta distância da areia e do mar. Quem chega cedo pode desfrutar de um dos pores-do-sol mais gloriosos do Caribe.

 

Jardines del Restaurante Tamarin, St Barths

 

 

Uma tarde em Gustavia e St. Barths

 

Como muitas das ilhas do Caribe, as atividades noturnas na ilha principal giram em torno de jantares e coquetéis nos bares ou restaurantes. St. Barths também não é exceção. São vários lugares para curtir música, desde reggae ao vivo na praia até DJs que fazem a multidão dançar a noite toda. O já citado Le Select no centro de Gustavia com sua atmosfera ultra-casual, reúne moradores e visitantes e costuma apresentar músicos ao vivo e, apesar de sua simplicidade, é um ímã para celebridades.

Vários restaurantes da ilha também oferecem algum tipo de entretenimento. No entanto, na vida noturna o nome mais famoso em St. Barths é Le Ti, cuja reputação vai além da ilha. As pessoas viajam de toda parte para ver o famoso cabaré. Este espaço para adultos inclui ainda algumas apresentações do Cirque de Soleil, com temas burlescos. Todo mundo que passa uma noite na ilha deve conseguir um ingresso para esse show. É uma experiência completa que inclui jantar, show e coquetéis.

 

Em busca dos melhores bares

Para quem deseja desfrutar de uma bebida antes do jantar, existem várias opções, incluindo a combinação perfeita de vista para o mar e pôr do sol. A ilha tem nada menos que 14 praias nomeadas, algumas somente areia e águas turquesa, outras com uma variedade de bares e instalações à sua escolha. A praia com os bares mais animados é a charmosa Baie de St.-Jean, um local com esportes aquáticos durante o dia e muito agito até o pôr do sol. Na verdade, é dividido em duas praias, separadas por Eden Rock. A parte sul é mais tranquila e alí se encontra o Nikki Beach. Esse elegante clube de praia, serve os melhores coquetéis da ilha ao longo do dia. É um lugar mais glamouroso, com espreguiçadeiras e cadeiras de praia brancas.

 

Para algo mais informal, também na Bahia de St.-Jean fica a cabana de praia do L’il Rock Beach Bar. Uma praia com um bar completo, cercada de coqueiros e com uma vista fantástica para o mar. Com um terraço de madeira, almofadas espalhadas ao redor das mesas e cadeiras com lindos ombrelones.

 

Lilrock Beach

 

Outros

Visitas virtuais a Parques Nacionais dos EUA

Uxmal é o ponto culminante, o clímax, da Rota Puuc. O complexo Maia mais importante e...

VISITANDO A GALERIA NACIONAL DE ARTE EM WASHINGTON

Sem sair de casa, você pode visitar uma das coleções mais importantes de...